Cinco cliques para empreender depois dos 50

“Ao contrário do que se pensa, empreender não é exclusividade dos jovens”. Foram com essas palavras que o vice-presidente da Fundação Kauffman, Dane Stangler, abriu seu depoimento no Comitê de Envelhecimento do Senado americano em 2014. Há três anos, Stangler já vislumbrava o que hoje mais e mais está se transformando em realidade: empreender depois dos 50 anos é um caminho sem volta para milhares de pessoas em todo o planeta. Os fatores que favorecem esse movimento são muitos: aumento da longevidade, desemprego, aposentadoria ou realização pessoal. Os números, de fato, impressionam. A pesquisa Global Entrepreneurship Monitor (GEM) de 2015 registrou que 30% dos empreendedores em estágio inicial têm entre 45 e 64 anos. No caso de negócios já estabelecidos, esse número sobe para 59%.

Reunimos alguns sites que oferecem cursos e palestras e podem ajudar você a ter sucesso na sua próxima empreitada!

Sebrae
O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) é uma instituição privada sem fins lucrativos criada para dar apoio aos pequenos negócios de todo o país. O site em si funciona como uma plataforma bastante completa sobre o tema: são dezenas de textos, vídeos e notícias ensinando como montar um negócio, além de cursos, eventos e palestras gratuitos online e presenciais sobre como ser um microempreendedor, oportunidade de negócios, gestão empresarial, formalização de uma empresa, entre outros. Você também pode consultar um especialista online para fazer um diagnóstico da sua empresa. Vale a pena conferir.

Endeavor
Considerada uma das maiores organizações de apoio ao empreendedorismo e a empreendedores de alto impacto, a Endeavor possui uma plataforma online que conta com vídeos, pesquisas e notícias que podem esclarecer diversas dúvidas que você tenha sobre o tema. Os cursos oferecidos são 100% gratuitos e ministrados por especialistas na área. São inúmeras as opções: como desenvolver equipes de alta performance, marketing digital, estratégia financeira para o crescimento, ferramentas práticas de inovação, planejamento estratégico, finanças etc. Os temas dos cursos são reunidos em categorias como estratégia, finanças e investimentos, gestão de pessoas, impacto social, jurídico e marketing e vendas, o que facilita a sua busca no site. E você pode se matricular em vários cursos simultaneamente. Afinal, o que vale é se manter sempre atualizado para ajudar seu negócio a prosperar!

Sandbox
A empresa se define como uma escola de estratégia que tem como missão difundir a cultura do pensamento estratégico por meio de aulas dinâmicas, exercícios e feedbacks em um ambiente descontraído. A ideia é fornecer conhecimentos do tipo “fora da caixa”. Os cursos são “mão na massa”, presenciais, rápidos, de informação, formação ou aprofundamento em empreendedorismo para iniciantes ou entusiastas do assunto. A escola funciona em São Paulo, mas leva seus cursos para várias cidades do Brasil, fique atento!

Stanford University Online
A Universidade de Stanford é uma das mais respeitadas dos Estados Unidos e das mais valorizadas do mundo. A instituição desenvolveu vários programas de aprendizado online com foco em negócios. Os cursos são gratuitos e ministrados por seus próprios professores. Um limitador é que todos são dados em inglês, mas se você entende um pouquinho que seja (a vantagem do curso online é que você pode repetir e rever quantas vezes quiser), pode se matricular em cursos sobre como construir uma startup de sucesso e estratégias de marketing para o mundo digital, por exemplo.

FGV Online
A Fundação Getúlio Vargas foi a primeira universidade brasileira a se tornar parte do Open Education Consortium (OEC), um consórcio de instituições de ensino de diversos países que oferecem conteúdos e materiais didáticos gratuitos online. Sem limite de idade, a Fundação ministra cursos na área de finanças pessoais, sustentabilidade, direito, gestão financeira, gestão empresarial etc. Você pode aprender entre outras coisas, como fazer investimentos de forma segura, a forma correta de se comportar no mercado, como contratar trabalhadores, direitos autorais e sociedade, diversidade nas organizações, em poucas horas e sem custo algum! Contudo, se você já tem conhecimentos básicos, pode optar pelos módulos pagos voltados para aperfeiçoamento e que incluem cursos de atualização, graduação e até especialização/MBA.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *