Depois dos 50, todo cuidado é pouco na hora de escolher o look e o make

Nem tudo que ficava bem aos 30, cai bem aos 50. Pequenas adaptações vão deixar você sempre linda nessa fase da sua vida.

Muitas mulheres relatam uma certa dificuldade para se vestir e se maquiar depois de uma certa idade. Você não está sozinha, acredite. “A postura é outra e é preciso usar roupas que valorizem essa nova forma de estar no mundo”, argumenta a consultora de imagem Silvana Bianchini, da Dresscode, de São Paulo. Isso quer dizer aposentar aquela minissaia tão amada? Exato. “Mesmo ainda tendo pernas incríveis, o melhor é evitar pois trata-se de uma peça para jovens”, diz a especialista. “É muito estranho ver alguém que pareça jovem de costas e quando vamos ver a idade já está bem avançada.”

Com base nessa ideia, veja as sugestões dos nossos experts para você não comprometer o visual e achar o que combina mais com seu novo estilo. Evite:

Cabelos muito escuros

A tonalidade não favorece, pois, a cor escura deixa o visual pesado e marca os sinais do tempo. “Não é preciso cair no oposto e tingir o cabelo de loiro”, orienta o cabeleireiro Eron Araújo, do Creative Salon, de São Paulo. “O melhor é optar pelos tons marrons como cobre e avelã ou mesmo diminuir um tom do preto original, caso você prefira manter a tonalidade. “

Make pesado

Envelhece mesmo pois o excesso de produtos acaba marcando ainda mais as linhas de expressão.  “Infelizmente, ainda é um erro muito comum”, avalia a consultora de imagem, Silvana Bianchini. “Quanto mais velha, mais natural deve ser o make.” Uma base leve, um toque de cor nos lábios e nas bochechas é perfeito. Na hora de maquiar os olhos, evite usar cores cintilantes nos olhos, já que o brilho acentua as linhas da pálpebra.

Franja reta

Ela deixa o visual infantil e, por isso mesmo, é recomendada para jovens e adolescentes. “Quem tem testa alta pode adotar outros estilos”, sugere o cabeleireiro Eron Araújo. “Ela deve ser leve, desfiada e não muito curta. Dê preferência para as cortadas na diagonal.” E, em caso de dúvida, converse bastante com seu cabeleireiro para saber o que mais combina com seu tipo de rosto.

Exposição excessiva do corpo

Se der para evitar, melhor. “Sem dúvida nenhuma, as mulheres com mais de 50 estão mais bonitas e cuidadas do que nunca, mas abusar de peças muito curtas ou decotadas não valoriza suas belas curvas”, constata a consultora de imagem Silvana Bianchini. “As mulheres de pernas bonitas, por exemplo, podem ousar com uma saia quatro dedos acima do joelho. Já as alcinhas devem ser um pouco mais largas que as fininhas e os decotes mais discretos.”

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *