Este artigo é parte do Clube dos Escritores

Obsessão, loucura e morte, por Sylvia Loeb


 

 

Me apaixonei completamente por um homem. Dia e noite meu amor ocupava meus pensamentos, vivemos uma vida de sonho durante anos. Emagreci, ele também, não tínhamos necessidade de comer. Um dia notei que começou a engordar, outro dia não senti mais seu olhar sobre mim. No dia seguinte não o encontrei, procurei-o por toda a casa, pelo quintal, quarteirão, pelas ladeiras de nosso bairro. Estou esperando, esperando, estou esperando, continuo esperando…

Joana de Deus, em seu amor por Antônio de Castro, tem experiências místicas. Ao fechar os olhos, vê o companheiro com imensas asas em fogo voar em sua direção. O gozo dela é infinito.

Santa Teresa D’Ávila ou Santa Teresa de Jesus, em seu amor a Deus, tem experiências de êxtase: vê-se saindo do próprio corpo carregada por anjos, cercada por uma aureola luminosa; Jesus sendo crucificado, anjos portando lanças vermelhas, o demônio… São visões que a aterrorizam e deliciam ao mesmo tempo.

Otelo, loucamente apaixonado por Desdêmona, mata a amada por ciúmes, acreditando que ela o traíra. Ao saber que tudo não passara de uma intriga engendrada por um suposto amigo, Otelo, desesperado, apunhala-se caindo sobre o corpo de sua mulher. Morre beijando a quem tanto amara.

Eu era louco por aquela mulher. Quando se cansou de mim não aguentei que ela tivesse novo amor. Nenhum homem poria as mãos no corpo de minha amada, ela não seria de mais ninguém, só da terra escura. Ela me aparece em sonhos todas as noites, volta arrependida, não quer mais se separar de mim.

Tenho um homem que me ama, telefona, pergunta o que eu quero, ouve minhas histórias, é fiel. Vivo só pra ele, para lhe satisfazer os caprichos. Ciúmes? Morro de ciúme. É meu homem, só meu, e eu, mulher dele, para sempre. Fiz promessa, fiz amarração, espalho flores brancas pela casa, acendo velas, aqui não entra mulher bonita. Ele é só meu.

__________________________________________________________________________________________

SYLVIA LOEB – É psicanalista e escritora. Visite seu site, acesse sua página no Facebook ou escreva para o email [email protected]!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *