sozinho novamente, e agora? - sylvia loeb - sylvia loeb responde - fifties mais

Sozinho novamente, e agora?

Inseguranças após a separação

 

 

Querida Sylvia,

Li seu post e fiquei pensando. Todo mundo fala que os homens só querem mulheres de 30. Acabei de me separar depois de 25 anos de casado. Minha mulher quis a separação. Ainda estou tentando fazê-la voltar. Sinto falta dela. Quando namoramos, já separados, o sexo foi tão bom quanto nos nossos melhores momentos.

Minha filha me disse: ‘Pai, nem pensa em trazer uma garota da mesma idade que eu pra casa, hein?’

Mas a pergunta é: será que consigo ter a mesma potência com uma mulher da minha idade?
Umberto

Thinking about his future

 

 

 

 

 

 

 

Caro Umberto,

Você levanta algumas questões: a falta que sente de sua mulher, sua filha que não quer uma “irmãzinha” namorando o pai e a preocupação com sua potência.

Há um ditado popular que diz: “capim novo pra burro velho”.

Estaria a garota de 30 anos no lugar do capim novo? Se for o caso, nada mais simples, dá-lhe capim novo! Basta ter 30 anos? Então está resolvido, vá à caça ou às compras.

Fala-se em garota de 30 anos como se ela fosse mercadoria: me passa aí uma garota de trinta anos, ou melhor, de 29, e das boas hein, da melhor qualidade! A garota de 29, 30, 32, ou que idade tenha, pode ser adquirida no mercado a preço de ocasião? Se a resposta for sim, boa sorte.

Se a resposta for diferente, faço-lhe uma pergunta: que mulher você quer?

Além dos 30 anos, você deseja alguém com quem possa conversar, apresentar aos amigos, falar dos seus interesses e saber dos dela, compartilhar ideias, projetos, família, enfim, ter uma vida de sexo prazeroso além de outras necessidades que fazem parte da vida quando finalmente saírem da cama? A garota de 30 anos é uma mulher cheia de sonhos, fantasias, está no começo da vida, você está disponível para tudo isso?

A vida a dois é um projeto complexo a ser construído com paciência e tolerância. Não preciso lhe contar, você vem de um casamento de 25 anos. Imagino o quanto de criatividade e de invenção foram necessários para construir tantos anos de vida em comum, imagino a tristeza de um projeto que desmoronou.

O que aconteceu? Por que sua mulher quis se separar? Por que você quer que ela volte? São perguntas que você, em 5 linhas, deixou no ar. Saberia responder ?

Antes de sair atrás de outra mulher, não seria mais sábio resolver estas questões? Perguntas não respondidas seguramente serão carregadas para dentro de um novo relacionamento, contaminando algo que está sendo criado.

Quanto à sua filha, imagino que a preocupação seja a de evitar que o pai caia no ridículo de fazer uma escolha imprópria. Além da rivalidade com outra mulher, da mesma idade, que venha a ocupar um espaço vago. Cabe a você, mais uma vez, construir na relação entre os dois uma resposta que ela sinta importante para o pai.

Fácil?

 

Sylvia Loeb é psicanalista e escritora. Visite seu site em sylvialoeb.wordpress.com// ou acesse sua página no Facebook: @SylviaLoeb

One comment

  1. A resposta de Sylvia tem o mérito de fazer pensar… Curto e grosso! Mas acho que ele [Umberto] pode também sair com uma mulher de 30! E ele pode também não querer uma relação! [já que está ligado à esposa ainda]. Que ele se experimente! Experimentação, palavra de ordem, eis nosso lema!

    ps- que difícil dizer online e brevemente, com poucas informações, algo útil, não? sem ser banal nem profundíssimo [porque nem dá!]. Sylvia faz isso. notei a mesma lisura numa outra ‘sylvia responde’.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *